*** FAQ – eSocial ***

O que é FAQ?
FAQ é a sigla em inglês para expressão “Frequently Asked Questions”, em português,
“Perguntas Mais Frequentes”.


Porque uma FAQ do eSocial ?
Sabemos que o eSocial dispões de inúmeros registros e consequentemente, muitas informações
e a FAQ entra como uma ferramenta de auxílio no preenchimento e exportação do eSocial.
Uma informação importante:
Muitas mensagens do eSocial são decorrentes de falta de preenchimento de informações ou
preenchimento incorreto e até mesmo, a falta de informações no site do eSocial.
O ideal, quando for apresentado alguma mensagem, em um determinado registro, é acessar o
portal do eSocial e ver se a informação daquele registro existe já cadastrada lá dentro, por
exemplo ao exportar um evento S-1200 e foram apresentadas mensagens de erro, mas será que o
funcionário já foi enviado anteriormente ? Será que já existe o S-2200 dele lá dentro do eSocial
? Então, se possível, acesse o site do eSocial e veja se aquele funcionário, sócio, autônomo,
tabela, rubrica, etc. já existe lá dentro.


S-1210
Erro:
0723 “Valor Líquido inválido. O valor esperado do trabalhador CPF: {N} é: ({1}). Ação
Sugerida: Em caso de pagamento total, o valor líquido deve corresponder ao somatório dos
valores de vencimentos e descontos da remuneração e também dos vencimentos e descontos de
IRRF e Pensão alimentícia. Em caso de pagamento parcial, o valor líquido deve corresponder ao
somatório dos valores de vencimentos e descontos informados no grupo infoPgtoParc.”
Solução:
Se tratando de Sócios ou Autônomos, basta entrar no cadastro do mesmo, clicar no botão
“Verbas”, em seguida “Config. Verbas (eSocial)” e mandar Reconfigurar a verbas
automaticamente.


Erro:
0724 “Não foi localizado um evento de remuneração do trabalhador para o período e com
mesmo demonstrativo de pagamento. Ação Sugerida: Deve ser um valor atribuído pela fonte
pagadora em S-1200, S-1202 ou S-1206 no campo \”Identificador de Recibo de Pagamento\”,
obedecendo a relação: .Se Tipo de Pagamento = [1], em S-1200; .Se Tipo de Pagamento = [5],
em S-1202; .Se Tipo de Pagamento = [7], em S-1206.”
Solução:
Verificar se a informação “Data de pagamento (IRRF)” nesta empresa está 5º dia útil ou Último
dia do Mês (Cadastro de Empresas>Pessoal>Inf. Diversas).
Se tratando de 5º dia útil, deverá fazer a emissão da folha de pagamento
(LedPessoal>Relatórios>1-Folha de Pagamento), do mês anterior e do mês atual, preenchendo o
campo “Data de Pagamento” com a data do 5º dia útil, do mês seguinte ao que está sendo
emitido, por exemplo, se estiver emitindo o mês de Janeiro, deverá informar a data
07/02/2019.
Em seguida, fazer a exportação novamente, marcando a opção “Exportar pagamento relativo a
competências anteriores ao início de obrigatoriedade dos eventos periódicos para o
contribuinte”.


Erro:
0008 “Grupo ‘Pensão Alimentícia’ deve ser preenchido. Verifique as condições de
preenchimento no leiaute.”
Solução:
Entrar no cadastro do funcionário que apresentou o erro, clicar na aba “Dependentes” e verificar
se algum dos dependentes cadastrados está com a opção “Pensão Alimentícia” marcado. Caso
esteja, deverá clicar no botão “Inclusão de Valores de Pensão Alimentícia” e lançar os valores.
Obs:
Para lançar os valores, deverá selecionar o dependente, clicar no sinal de mais na parte superior
e informar o ANO. Na parte de baixo, deverá informar qual é a verba utilizada para o desconto
em folha e por último informar os valores nos meses, bastando dar dois cliques sobre o campo
“Valor Pensão Alimentícia Mês”.


Erro:
0269 “Rubrica não existe no cadastro do empregador. Ações Sugeridas: – Verifique se a rubrica
está cadastrada na tabela de rubricas; – Verifique o preenchimento das informações referentes
rubrica informada.”
Solução:
Esse erro ocorre devido alguma verba presente na folha, férias, 13º ou adiantamento, seja de
sócios, autônomos ou funcionários, não consta no portal do eSocial.
Na linha “Localização” haverá a informação, mostrando se o erro está na folha, férias, 13º ou
adiantamento, basta localizar o item “detPgto”, por exemplo “detPgtoFer” indica que o erro está
em uma verba de FÉRIAS, então neste caso, entrar no cálculo das férias, anotar quais verbas
estão calculadas e marcar a opção “Repercute Férias” no cadastro das verbas. Se o campo fosse
“detPgtoFl” seria a FOLHA DE PAGAMENTO e o procedimento será o mesmo.


Erro:
0724 “Não foi localizado um evento de remuneração do trabalhador para o período e com
mesmo demonstrativo de pagamento. Ação Sugerida: Deve ser um valor atribuído pela fonte
pagadora em S-1200, S-1202 ou S-1206 no campo \”Identificador de Recibo de Pagamento\”,
obedecendo a relação: .Se Tipo de Pagamento = [1], em S-1200; .Se Tipo de Pagamento = [5],
em S-1202; .Se Tipo de Pagamento = [7], em S-1206.”
Solução:
Entrar no portal do eSocial e verificar se foi enviado o evento S-1200 para o funcionário em
questão.
Caso não conste o mesmo, no portal do eSocial, deverá enviar o evento S-1200 para ele.
Caso o mesmo conste, no portal do eSocial, deverá entrar no em
LedPessoal>Funcionários>Página 2>Outras Inf eSocial>Diversos, clicar na opção S-1200,
localizar o mês que está sendo exportado, marcar o mesmo e exportar novamente.

Erro:
0723 “Valor Líquido inválido. O valor esperado do trabalhador CPF: {0} é: ({1}). Ação
Sugerida: Em caso de pagamento total, o valor líquido deve corresponder ao somatório dos
valores de vencimentos e descontos da remuneração e também dos vencimentos e descontos de
IRRF e Pensão alimentícia. Em caso de pagamento parcial, o valor líquido deve corresponder ao
somatório dos valores de vencimentos e descontos informados no grupo infoPgtoParc.”
Solução:
Entrar no portal do eSocial e verificar se foi enviado o evento S-1200 para o funcionário em
questão.
Caso não conste o mesmo, no portal do eSocial, deverá enviar o evento S-1200 para ele.
Caso o mesmo conste, no portal do eSocial, deverá entrar no em
LedPessoal>Funcionários>Página 2>Outras Inf eSocial>Diversos, clicar na opção S-1200,
localizar o mês que está sendo exportado, marcar o mesmo e exportar novamente.


Erro:
932 – Rubrica 503 inválida. Só pode ser utilizada rubrica Cujo codincIRRF em S-1010 seja
igual a [00, 01, 09, 13, 33, 43, 46, 53, 63, 75, 93]
Identificação: = “CPF do Funcionário”
Solução:
Essa mensagem ocorre devido o fato de alguma verba estar com o campo de incidencia de IRRF
informado de forma errada. Na mensagem de erro, será apresentado um caminho, por exemplo:
“/eSocial/evtPgtos/ideBenef/infoPgto[3]/detPgtoFer/detRubrFer[7]/codRbr”
Pelo caminho apresentado, é possível identificar que se trata de férias, pelo campo “detPgtoFer”.
Então deverá entrar no cálculo das férias, anotar todas as verbas calculadas e verificar se estão
configuradas corretamente a aba eSocial e na aba de Repercussão de Férias o campo de
Incidência de IRRF.


Erro:
846 – O Somatório de cada um dos descontos de Contribuição Previdenciária [codincCP = [31,
32, 34, 35]) e de IRRF [codincIRRF = [31, 32, 33, 34, 35]) não pode ser negativo, ou seja, os
vencimentos, não podem ser superiores aos descontos.
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Neste caso, deverá ir até o cadastro das verbas que foram calculadas na folha de pagamento,
férias ou 13º do funcionário e verificar as incidências de IRRF e de Contribuição Patronal pois
provavelmente tem alguma com informação errada. Após localizar e corrigir a verba, deverá
mandar o S-1010 como alteração, e depois exportar novamente o S1210.

S-1299
Erro:
0162 “O Trabalhador com Matrícula: {0} consta na base de dados do Ambiente Nacional do
eSocial, mas não foi informada sua remuneração. Ação Sugerida: Verificar se a falta de
informação é decorrente de dificuldades operacionais ou se é possível efetuar a regularização.”
Solução:
Este erro ocorre devido o funcionário já constar na base do eSocial, porém sem os registros S-
1200 e S-1210, portanto, deverá ser verificado o motivo de não ter exportado estes Registros.
Pode ser que o funcionário não esteja mais na empresa, porém, não foi mandado o seu
desligamento (S-2299); Pode ser que o mesmo esteja afastado e não foi mandado o seu
afastamento (S-2230); Se foi gerado afastamento temporário ou desligamento, deve ser enviado
os respectivos eventos.


S-1050
Erro:
0130 “É necessário existir informação cadastral do empregador para o período. Ação Sugerida:
Verificar se já foi enviado um evento de cadastramento do empregador.”
Solução:
Verificar as datas informadas na tabela de Horários (LedPessoal>Tabelas>Horários), pois
alguma deve estar errada. Na mensagem do erro aparece “Identificação”, geralmente é o código
da tabela errada.


S-1200
Erro:
0553 “Grupo ‘Informações complementares de identificação do trabalhador’ não deve ser
preenchido. Verifique as condições de preenchimento no leiaute.”
Solução:
Se o CPF for de um Funcionário:
Entrar no cadastro do funcionário, “Página 2”, “Outras inf. eSocial”, “Diversos”, clicar para
“Alterar”, marcar o “S-2200”, salvar e exportar novamente.
Se o CPF for de um Sócio/Autônomo:
Entrar no cadastro de empresas, “Sócios” ou “Autônomos”, “Outras inf eSocial”, clicar para
“Alterar” , marcar o “S-2300”, salvar e exportar novamente.


Erro:
0269 “Rubrica de código ‘501.1’ e Identificador de tabela ‘501.1’ não existe no cadastro do
empregador. Ações Sugeridas: – Verifique se a rubrica está cadastrada na tabela de rubricas; –
Verifique o preenchimento das informações referentes à rubrica informada.”
Solução:
Esse erro ocorre quando o portal do eSocial recebeu a verba 501.1 anteriormente. Neste caso,
deverá entrar no cadastro de verbas, localizar a verba 501, clicar para alterar, desmarcar o
“Repercute 13º Salário” e marcar novamente. Em seguida, no momento de salvar, clicar em SIM
para “Esta verba será enviada para o eSocial” e exportar o registro S-1010 como “Alteração”.
Feito isso, repetir o procedimento, ou seja, voltar no cadastro da mesma, clicar para alterar,
desmarcar e marcar o “Repercute 13º Salário”, clicar em SIM para enviar para o eSocial e
exportar como INCLUSÃO.


Erro:
0008 “Grupo ‘Informações Complementares de Identificação do Trabalhador’ deve ser
preenchido. Verifique as condições de preenchimento no leiaute.”
0312 “A categoria informada deve ser igual a existente no cadastro do trabalhador no Ambiente
Nacional da eSocial. Ação Sugerida: Verificar a categoria informada conforme Tabela 1,
(Categorias de Trabalhadores).”
0317 “O trabalhador deverá encontrar-se ativo no período. Ação Sugerida: Verificar se o
trabalhador relacionado encontra-se ativo no período.”
0764 “Este evento de remuneração não pode ser utilizado para esta categoria de
trabalhador. Ação Sugerida: O evento S-1200 só pode ser aceito para trabalhadores amparados
pelo Regime Geral de Previdência Social – RGPS. Para as categorias 301 a 309 deve ser usado
o evento S-1202.”
Solução:
Verificar se o cadastro do funcionário em questão, consta dentro do portal do eSocial. Caso não
exista, deverá enviar o S-2200, para incluir o mesmo.
Se já existir o cadastro do mesmo, dentro do portal do eSocial, deverá verificar a condição deste
funcionário. Se o mesmo estiver afastado, verificar se foi lançado o Afastamento e exportado o
S-2230; Se o mesmo estiver desligado, verificar se foi lançado a rescisão do mesmo e exportado
o S-2299.


Erro:
0424 “Rubrica não permitida em folha de décimo terceiro.”
Solução:
Deverá anotar as verbas que estão no pagamento do “13º Salário”, ir até o cadastro de verbas e
marcar a opção “Repercute 13º Salário” para as verbas em questão e configurar as informações
do eSocial nelas. Feito isso deverá enviar o evento S-1010 como INCLUSÃO e ao término
enviar novamente o S-1010, porém desta vez como ALTERAÇÃO.


Erro:
0269 “Rubrica não existe no cadastro do empregador. Ações Sugeridas: – Verifique se a rubrica
está cadastrada na tabela de rubricas; – Verifique o preenchimento das informações referentes
rubrica informada.”
Solução:
Esse erro é a falta de alguma Rubrica no portal do eSocial. Deverá anotar as verbas que estão no
pagamento do “13º Salário”, ir até o cadastro de verbas e marcar a opção “Repercute 13º
Salário” para as verbas em questão e configurar as informações do eSocial nelas. Feito isso
deverá enviar o evento S-1010 como INCLUSÃO e ao término enviar novamente o S-1010,
porém desta vez como ALTERAÇÃO.


Erro:
8 – Grupo ‘Grau de Exposição a Agentes Nocivos’ deve ser preenchido. Verifique as condições
de preenchimento no Leiaute.
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Primeiramente deverá confirmar se no cadastro do funcionario está informado o Campo
OCORRENCIA na pagina 2, pois deverá ser preenchido. Após isso, verificar se foi calculado
folha, rescisão ou adiantamento, para o funcionário no periodo que está exportando. Se foi
calculado, deverá certificar-se de que ela não está totalmente zerada, pois o eSocial não irá
aceitar, a não ser que o mesmo esteja de afastamento e neste caso, deverá previamente enviar o
evento S-2230. Verificar se o cadastro do mesmo consta no portal do E-Social, se não deverá ser
enviado.


Erro:
294 – O preenchimento do campo CPF dos dependentes é obrigatório para fins de imposto de
renda. Ação Sugerida. Verifique a Dependência de IRRF do dependente. O CPF do dependente
torna-se obrigatório para fins de imposto de renda quando o mesmo é dependente de IRRF.
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Deve ser informado no cadastro do Dependente o CPF pois ele está em branco e será preciso ter
a informação preenchida, caso esse dependente não precise ser enviado, pode inativar o cadastro
do mesmo.
Obs.: Verificar se o funcionário possui mais de um cadastro. Caso possua, deverá verificar
também nos outros cadastros.


S-2200
Erro:
0008 “Grupo ‘Estabelecimento onde o Trabalhador exercerá suas atividades’ deve ser
preenchido. Verifique as condições de preenchimento no leiaute.”
Solução:
Entrar no cadastro do funcionário, “Página 2”, clicar para alterar e informar os campos “Setor
de Trabalho” e mais abaixo “Local de Trabalho”.


Erro:
197 – A data de admissão do trabalhador não poderá ser anterior à data de abertura ou posterior
a sua data de encerramento.

Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Essa mensagem ocorre quando a data de admissão do funcionário for anterior a data arquivo da
empresa. Para verificar a data de arquivo, basta entrar no “Cadastro de Empresas” e conferir o
campo “Data Arquivo”. Se a empresa foi encerrada e a admissão está com data maior que a data
do encerramento, informada no portal, também apresentará o erro. Neste caso o próprio portal
do eSocial, não aceitará essa situação.


Erro:
272 – a Inscrição informada deve ser o CPF do empregador, caso de empregador doméstico, ou
ser um estabelecimento do empregador devidamente cadastrado no sistema no período.
1090 – Validação Cadastral do NIS não realizada. Pendente de validação futura.
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
O erro 1090 é gerado por conta do erro 272. O erro 272 terá que verificar no cadastro do
trabalhador, se ele está alocado no Setor correto, pois ele deverá estar alocado em um setor,
mesmo que a empresa não trabalhe com setor. Caso não trabalhe por setor, ela alocará o mesmo
no setor que se refere a própria empresa, que foi enviado pela tabela S1020, ou seja se ele tiver
setores cadastrados, todos eles deverão ter sido enviados na tabela S1020, Ex: se a empresa é
separa por obra ou por setor irá cadastrar cada setor com seu respectivo tipo e número de
inscrição preencher o tipo de lotação e enviar o mesmo pelo S1020, depois alocar os
funcionários cada um no seu respectivo setor e enviar depois o S2200.


Erro:
1030 – Tipo de Contrato em tempo parcial inválido Ação Sugerida: Verificar o tipo de contrato
de acordo com a categoria: o Código (1) só é válido se codCateg = (104), os códigos (2,3) não
são válidos se conCateg = (104).
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Essa mensagem ocorre quando no cadastro do funcionário, na página 2 na aba Jornada/Horário,
o campo Código Relativo ao tipo de contrato em tempo parcial está informado errado. De
acordo com a validação do portal, só poderá ser “1 – Limitado a 25 horas semanais” quando a
Categoria eSocial na “Página 2” do cadastro do funcionário for “104 – Empregado – Doméstico.”
do contrario, se for qualquer outra categoria eSocial deve ser informado “0 – Não é contrato em
tempo parcial”, “2 – Limitado a 30 horas semanais” ou “3 – Limitado a 26 horas semanais”.


Erro:
8 – Grupo ‘trabalhador Estrangeiro’ deve ser preenchido. Verifique as Condições de
preenchimento no leiaute.
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Essa mensagem ocorre devido algum trabalhador com Pais de Origem e Nacionalidade diferente
de Brasileiro, pois quando for estrangeiro deverá ser cadastrado os dados de estrangeiro no
botão “+ Inf. Estrangeiros” que fica logo abaixo do campo “Nome da Mãe”.


Erro:
700 – O campo deverá ser preenchido sempre que existir uma Admissão Preliminar para o
trabalhador para qual não exista uma admissão correspondente. Ação Sugerida: O campo é
obrigatório se existir um Evento de Admissão Preliminar para o mesmo TRABALHADOR e
que não tenha evento de admissão correspondente. O número do recibo de entrega existente é:
x.x.xxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Essa mensagem ocorre quando foi enviado a admissão preliminar S2190 para o funcionário e no
cadastro dele na Página 2 > Outras Inf. eSocial > Diversos o campo S2190 está em branco, pois
neste campo deverá conter o numero de recibo do evento S2190. Acesse o portal do eSocial, na
admissão preliminar e localize o mesmo, pelo CPF, e em seguida anote o número de recibo para
poder informar no sistema no caminho citado acima.


S-1020
Erro:
0008 “Grupo ‘Identificação do Contratante e do Proprietário de Obra de Construção Civil’ deve
ser preenchido. Verifique as condições de preenchimento no leiaute.”
Solução:
Verificar as informações preenchidas no cadastro do Estabelecimento
(LedPessoal>Tabelas>Tomador/Estabelecimento), como por exemplo o campo “Tipo de
Lotação Tributária” que deverá ser preenchido.


S-2300
Erro:
1026 “Verifique os dados informados, pois apresentam divergência entre CPF e NIS, ou o NIS
não é o mesmo que foi informado em sua admissão/início de TSVE ou em sua última alteração
cadastral.”
Solução:
Abrir o portal do eSocial e verificar se o funcionário, autônomo ou sócio que está apresentado o
erro já se encontra lá dentro. Se não estiver, deverá entrar no cadastro do mesmo, na aba “Outras
inf. eSocial”, desmarcar a opção S-2300 e exportar novamente.


Erro:
1 – Campo de preenchimento obrigatório: Município.
Identificação: CPF Trabalhador ou Sócio/Autônomo.
Solução:
Esse erro ocorre devido o “Município Nasc.:” do sócio ou autônomo, cujo o CPF apareceu na
informação “Identificação”, estar em Branco, onde deverá ser preenchido obrigatoriamente.
Funcionários:
Cadastro de Funcionários>Página 1> “Município Nasc.:”
Sócios/Autônomos
Cadastro de Empresas>Sócio/Autônomo>”Município Nasc.:”


S-2299
Erro:
191 – Não é permitido o desligamento do trabalhador, Ações sugeridas:- Verificar se o
trabalhador encontra-se ativo. Verificar se o motivo do desligamento do trabalhador é
compatível com o desligamento sem retorno do afastamento.
Solução:
Esse erro pode ser causado pelos seguintes fatores:
1 – O mesmo não tem o cadastro no portal do eSocial;
2 – Por algum motivo o mesmo está com a condição “Ativo” no sistema e deverá estar como
“Inativo” pois se trata de uma rescisão.
3 – Verificar se a rescisão é um pedido de demissão ou Aviso Trabalhado, pois se for um destes,
deverá enviar o S-2250 – Aviso Prévio, antes de enviar o S-2299 – Desligamento.


Erro:
847 – Não podem ser utilizadas rubricas cujo conincIRRF em S-1010 seja igual a [31, 32, 33,
34, 34, 35, 51, 52, 53, 54, 55, 81, 82, 83].
846 – O Somatório de cada um dos descontos de Contribuição Previdenciária [codincCP = [31,
32, 34, 35]) e de IRRF [codincIRRF = [31, 32, 33, 34, 35]) não pode ser negativo, ou seja, os
vencimentos, não podem ser superiores aos descontos.
Solução:
Deverá anotar todas as verbas que saíram na rescisão e no cadastro de uma a uma, verificar as
Incidências informada no IRRF para essas verbas, pois alguma pode não estar de forma correta.
Após corrigir deverá enviar o S-1010 como alteração para atualizar o portal e depois enviar
novamente o S-2299.


Erro:
180 – O Vinculo Trabalhista não foi localizado. Ação Sugerida: Utilize o evento de admissão
para cadastramento do vinculo trabalhista.
Identificação: “CPF do Funcionário”
Solução:
Deverá anotar o CPF que apareceu no erro e verificar se o cadastro do mesmo consta dentro do
portal do eSocial, pois provavelmente não foi enviado o S2200 do mesmo. Caso seja isso,
deverá ser enviado o S2200 deste funcionário, para depois enviar o desligamento, através do

evento S2299. Caso a rescisão do mesmo seja antes da data de inicio de obrigatoriedade, não
precisará enviar o S2200 e o desligamento S2299.
Ex: inicio da obrigatoriedade 10/10/2018 a rescisão foi em 01/10/2018, nesse caso ele foi
desligado antes da obrigatoriedade então ele não precisará ser enviado para o portal.


Erro:
0583 “O campo é obrigatório quando existir Pagamento do Aviso Prévio Indenizado. Ação
Sugerida: O campo é obrigatório quando existir Pagamento do Aviso Prévio Indenizado = [S],
devendo ser igual ou posterior à data de desligamento. Se Pagamento do Aviso Prévio
Indenizado igual a [N], o campo é opcional.”
Solução:
Essa mensagem ocorre quando foi gerado o “Aviso Prévio” no botão “Auxiliares”, aba
“Demissão”, opção “Aviso Prévio Indenizado”. Quando for indenizado, deverá ter a data de
projeção informada e na hora de calcular a rescisão também puxará automático a data de
projeção de aviso prévio. Caso o mesmo não tenha sido informado será preciso excluir a
rescisão, excluir o aviso e gerar o aviso novamente, depois a rescisão novamente com a data
devidamente preenchida. Feito isso deverá exportar novamente o S2299.


S-2230
Erro:
183 – Ação não permitida. É necessário que o trabalhador esteja em atividade na data do
afastamento. Ação Sugerida: Verificar se a data de afastamento está correta.
Identificação do Trabalhador: “CPF do Funcionário”
Solução:
Deverá verificar se foi enviado o S-2200 para o mesmo, se no cadastro do funcionário, está
marcado que foi enviado S-2200 e ainda se o CPF do mesmo consta no portal;
Verificar se o afastamento foi corretamente informado para o funcionário, no cadastro dele;
Verificar se a Condição do mesmo está como “Afastamento” ou se está “Ativo”, pois no período
do afastamento dele, deverá constar o tipo de afastamento, por exemplo “Tratamento de Saúde”,
“Acidente de trabalho”, etc.


Diversos
Erro:
Código Rubrica: (Código)
Falha na validação dos dados do evento (natRubr
Solução:
Caso apresente no erro, o código da verba deverá entrar no cadastro da mesma, e verificar a
“Natureza da Rubrica”.
Se não apresentar o código da verba, deverá verificar todas as verbas que tenha a opção
“Repercute 13º Salário”, desmarcar e marcar novamente esta opção.


Erro:
CPF Trabalhador: “Numero do CPF”
Falha na validação dos dados do evento (codLotacao
Solução:
Entrar no cadastro do funcionário que apresentou o erro, na página 2, verificar qual o Setor está
preenchido para o mesmo, em seguida, ir até o cadastro de “Tomador/Estabelecimento”,
verificar se o Código utilizado, é exatamente igual ao do setor que está preenchido para o
funcionário com o erro. Por exemplo, Estabelecimento “Administração” com código 000, no
Setor, deverá estar “Administração”, também com o código 000 e não 00, 001, 050, etc.


Erro:
Nome: “Nome do funcionário”
Falha na validação dos dados do evento (infoRegimeTrab, infoCeletista, infoEstatuario).
Solução:
Entrar no cadastro do funcionário e verificar se os campos “Setor de Trabalho”, “Local de
Trabalho” e “Filiado Sindicato” estão preenchidos, se algum deles não estiver, deverá preencher
e exportar novamente.


Erro:
CPF Beneficiário: “Número do CPF”
Falha na validação dos dados do evento (dtPgto
Solução:
Emitir a folha de pagamento do período que está sendo exportado, informando o campo “Data
de Pagamento”, a data do 5º dia útil.


Erro:
CPF Beneficiário: “Número do CPF”
Falha na validação dos dados do evento (ideBenef, deps, infoPgto).
Solução:
Primeiro, deverá verificar se a informação “Data de pagamento (IRRF)” nesta empresa está 5º
dia útil ou Último dia do Mês (Cadastro de Empresas>Pessoal>Inf. Diversas). Em seguida
verificar se tem folha gerada para o funcionário, sócio ou autônomo, do CPF que apresentou no
erro. Se tratando de 5º dia útil, deverá fazer a emissão da folha de pagamento
(LedPessoal>Relatórios>1-Folha de Pagamento), do mês anterior e do mês atual, preenchendo o
campo “Data de Pagamento” com a data do 5º dia útil, do mês seguinte ao que está sendo
emitido, por exemplo, se estiver emitindo o mês de Janeiro, deverá informar a data
07/02/2019.
Em seguida, fazer a exportação novamente, marcando a opção “Exportar pagamento relativo a
competências anteriores ao início de obrigatoriedade dos eventos periódicos para o
contribuinte”.


Erro:
CPF Trabalhado: “Número do CPF”
Falha na validação dos dados do evento (infoAgNocivo, indSimples, itensRemun)

Solução:
Verificar no CPF que apresenta o erro, se consta folha de pagamento gerada, totalmente
ZERADA. O eSocial não aceita folha zerada, a não ser que seja Afastamento e o mesmo tenha
sido enviado previamente no “S-2230”
Entrar no adiantamento e verificar se tem algum adiantamento lançado sem valores, ou seja,
todo zerado. Se tiver, deverá apagar e lançar novamente com valores, se for o caso, ou então
apagar.


Erro:
Matricula Funcionário: “Código Funcionário_Código da Empresa”
Falha na validação dos dados do evento (observacao
Solução:
Entrar no cadastro do funcionário, aba “Aviso Prévio/Demissão”, clicar no botão “Informações
eSocial” e verificar se tem algo lançado no campo “Observação”, se tiver, basta apagar e
exportar novamente.


Erro:
Suporte a “xsXmlSec” foi desativado por compilação {$DEFINE DFE_SEM_OPENSSL} ou
{$DEFINE DFE_SEM_XMLEC}
Solução:
Ir até o cadastro da empresa, na aba “Arquivo”, nas informações do certificado e informar no
campo “Tipo Emissão eSocial” a opção “LibWinCrypt”, tanto na aba Empresa, quanto na aba
Procurador.


Erro:
Nome: “Nome do Funcionário”
Provedor de Criptografia não encontrado. Verifique a configuração do certificado, erro:
“Numero”
Solução:
Esse erro refere-se ao certificado Digital. O mesmo não está conectado ou configurado
corretamente.
Se for A1
Ir até o cadastro da empresa, aba “Arquivo”, lá em baixo nas configurações do Certificado,
realizar a configuração novamente.
Se for A3
Fechar o sistema, desconectar o mesmo da máquina, esperar 15 segundos e conectar novamente;
Se persistir, deverá trocar o Token ou Leitora de Cartão, para outra porta USB e tentar
novamente.


Erro:
ID: “IDNúmero”
Necessário DigestMethod Algorithm SHA256. use cryOpenSSL ou cryWinCrypt na
propriedade SSL CryptLib
Solução:
Entrar no Cadastro da Empresa, na aba “Arquivo”, lá mais abaixo nas opções de Configuração
do Certificado, alterar os campos “Tipo de emissão NFe” e “Tipo de Emissão eSocial” para
LibWinCrypt em ambos. Tanto na aba Empresas quanto na aba Procurador.
Sucesso com Advertência:
Ocorrência 0 – 723 – Valor Líquido inválido. O valor esperado do trabalhador CPF: “Número do
CPF” é: [Valor].
Solução:
Esta mensagem diz respeito à diferença de valores entre o sistema da Ledware e o eSocial.
Primeiramente deverá verificar se a diferença é nos valores de folha, férias, 13º, etc. Feito isso,
deverá achar o valor da diferença, pegando, por exemplo, o valor LÍQUIDO da folha e
subtraindo do valor que é apresentado na mensagem de erro. Achando esta diferença, poderá ser
analisado se é uma verba com esse valor ou a soma de algumas verbas, que geraram essa
diferença. Achando a verba ou as verbas, deverá ir até o cadastro da mesma, arrumar a
configuração do eSocial, como por exemplo marcando Repercute 13º ou Férias (se for o caso).
Arrumando a configuração da verba, deverá enviar o S-1010 novamente como inclusão ou
alteração, dependendo ou não dá existência desta verba, dentro do portal. Depois de enviar o S-
1010, deverá excluir o S-1210 e o S-1200 do funcionário que apresentou o erro e exportar
novamente.


Erro:
WebService:
http://www.esocial.gov.br/servicos/empregador/lote/eventos/envio/v1_1_0/servicoenviarLoteEv
entos/EnviarLoteEventos
– inativo ou inoperante tente novamente.
erro Interno: 12002
Erro HTTO: 0
URL:
https://webservices.producaorestrita.esocial.gov.br/servicos/empregador/enviarloteeventos/WsE
nviarLoteEnventos.svc
Falha Recebendo Dados. Erro:Erro: 12002 – TimeOut de Requisição.
Solução:
Essa mensagem ocorre por lentidão do portal do eSocial, ou da internet em que está enviado os
dados, ou seja, como ele não consegue a conexão com o portal então ele retorna esse erro. Nesse
caso especifico o ideal é reiniciar a máquina para ver se melhora a conexão e tentar enviar de
novo ou então aguardar alguns minutos e tentar mais tarde.


FAQ eSocial Ledware Tecnologia
Todos os direitos reservados


Recommended Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *